domingo, fevereiro 27, 2005

Tudinovu!

Hey! parei de beber de novo! Tava levando numa boa beber socialmente e ficar apenas moderadamente bêbado, mas ontem a merda acertou o ventilador...

Desculpas públicas:

Juliana (por eu ser o maior de todos os cretinos de todos os tempos)
Azul (sory man, nem sequer lembro da gente se encontrando na frente do outs, mas eu fiquei sabendo q te irritei profundamente)
Paula (mesma coisa)
Igor (pelos furos e pelo estado)
Sérgio (por ter voltado de taxi e pelas brigas)
Mãe (pelo desgosto)
Aline, Cara que eu não sei o nome e q entrou na briga pra me ajudar, Caras da briga, q eu tmbm não sei o nome e queriam muito me bater

E pra todo mundo q eu sacaneei e não lembro/não sei...

Desculpa mãe! (mukeka di rato)


Desculpa mãe, por não ter correspondido
As suas expectativas
E não ser do jeito que queria que eu fosse

Descupa mãe

Pelas noites de sono perdidas
Pelo meio milhão de mentiras
Que vc fingiu que acreditou